Voltar à disposição inicial da página.

Restaurar

“Mulheres Aventureiras”

Mulheres portuguesas, heroínas de estórias de amor ou de batalhas sangrentas, que cruzaram mares, empenharam armas, foram hábeis diplomatas e audazes comerciantes e, por tudo isso, merecem um lugar na nossa História, são as protagonistas desta obra.

D. Maria de Eça (a Capitoa), D. Juliana (a Negociadora) e D. Mécia de Monroy (a Cativa) são algumas das aventureiras que a jornalista Rosário Sá Coutinho resgatou do anonimato – já que a História oficial, habitualmente centrada nas personagens masculinas, as relegou para segundo plano.

Mulheres Aventureiras descreve a empolgante vida destas corajosas mulheres que, ao longo de quatro séculos, desafiaram preconceitos, lutaram pelos seus sonhos e viveram sempre à frente do seu tempo.

Da medina de Marraquexe, colorida pelas especiarias e perfumada pelo incenso, às frias muralhas da praça de Ceuta, passando pelos serões quentes e opulentos dos bailes do Rio de Janeiro ou pelos exóticos haréns da Índia, este livro leva-a, numa viagem apaixonante, aos quatro cantos do mundo, onde mulheres portuguesas aventureiras fizeram história.

 

Título: Mulheres Aventureiras
Autora: Rosário Sá Coutinho
Editora: A Esfera dos Livros
Edição: 2009
Idioma: Português
Nº de páginas: 208

 

Deixe um Comentário